6 de março de 2012

NierVos...

Se existe coisa capaz me me fazer ter vontade de deixar o carro especado no meio de uma rotunda, levantar-me e ir dar umas chapadas a alguém... é não saberem fazer piscas/rotundas...
A sério!
Qual é o drama de fazer rotundas?
Qual é a grande dificuldade em "se não sair na primeira saída tem que ir por dentro?"
Porque é que ainda existem pessoas que se regulam pelo mito do "eu vou sempre por fora porque quem for por dentro e quiser sair, se me bater tem a culpa". Porquê?
...E o apogeu do meu drama. OS PISCAS. Porque é que quem vai sair da rotunda, mete o pisca da esquerda... a sério. É ver o carro a deslizar do centro para fora e o sinal laranja esquerdo ali a fazer o meu ritmo cardíaco subir. Acalma-te Maria. 
Cara DGV, se vocês não falarem nisto no intervalo das novelas da tvi, ou no intervalo dos jogos de futebol e telejornais, vamos continuar com exemplos desta condução burra no nosso dia-a-dia. Por favor, façam lá o jeitinho aqui à je.

11 comentários:

  1. A maioria das pessoas não sabe mesmo circular numa rotunda!!!

    ResponderEliminar
  2. Vejo tanto a fazer esta asneira...
    Não sabem mesmo contornar uma rotunda...
    Bjtos

    ResponderEliminar
  3. maior parte dos condutores não sabem andar na estrada**

    ResponderEliminar
  4. Eu para arranjar as coisas é sempre torrentz x) spartacus já a tenho ali e walking dead também(adoro!), agora essa breaking bad não conheço, vou espreitar :p obrigada pelas dicas!
    eu relação ao teu post , é esse o motivo pela qual não gosto de rotundas, as pessoas são perigosas =/
    xoxo

    ResponderEliminar
  5. A maior parte dos tipos atrás do volante não sabem sequer conduzir, quanto mais saber regras...

    ResponderEliminar
  6. Não sei se é bem assim, tudo bem que esta é a actual regra, mas já dizem os mais velhos que antigamente era assim que ensinavam nas escolas de condução.
    Eu fui ensinada assim mas o meu pai "diz" que foi ensinado de outra maneira, agora se foi mesmo ou se ele é que aprendeu mal nao sei .

    ResponderEliminar
  7. Subscrevo! É bem verdade, e recorrente este erro!

    ResponderEliminar
  8. Pois mais vale irem confirmar antes de afirmar!
    http://www.imtt.pt/sites/IMTT/Portugues/EnsinoConducao/ManuaisEnsinoConducao/Documents/Fichas/FT_CirculacaoemRotundas.pdf

    ResponderEliminar
  9. no meu tempo ensinaram-me que a rotunda era sempre, sempre feita por fora. e ainda, se não reduzisse para segunda antes de entrar, chumbava!

    ResponderEliminar
  10. ah, esqueci-me de dizer que só cumpri durante as aulas de condução, mas, há muita gente que persiste no que lhes ensinaram...

    ResponderEliminar
  11. Pois... o problema é que antigamente não se fazia assim. E o meu pai sempre que eu faço as rotundas por dentro avisa-me: qualquer dia vais bater. E o certo é que no mês passado acabei mesmo por bater porque uma p.. duma trenga fez a rotunda por fora e diz ela nem sequer me viu a virar. E o pior de tudo apesar de ir pela parte de dentro fui considerada culpada pela companhia de seguros por que ia a mudar de direcção. E a gaja se ia seguir na rotunda pq ia do lado de fora? Fiquei f.... Por isso já n sei nada.De salientar que ela só tinha carta há um mês o que é capaz de ter contribuido um bocado para coisa. Enfim...

    ResponderEliminar

Diga, diga, sou toda "ouvidos" !

Ocorreu um erro neste dispositivo

quem cá para...