3 de julho de 2012

gabarolices

Sabem aquele tipo de pessoas que, no momento dos actos, se chegam à frente, querem ser elas a fazer, querem ser "as primeiras", chegam a passar por cima dos outros e a dizer "não, não, deixa lá, eu faço"...
...e depois se vão queixar aos elementos exteriores que são sempre elas a fazer as coisas, que ninguém se interessa, que são todos preguiçosos?
Sabem aquelas pessoas que, tal como todos os outros, compram ou levam coisas essenciais aos eventos para ajudar, para contribuir com a festa. ...Mas depois se vão gabar que se não fossem eles a levar as coisas era um "fazia-se e acontecia-se" ?
Detesto.
Detesto quem banca o mártir de livre vontade e que se gaba só para desvalorizar o trabalho dos outros. Enfim.

4 comentários:

  1. Quanto à primeira situação, eu tenho uma colega precisamente assim! Em alguns trabalhos, dizia que não se importava de ser ela a fazer mundos e fundos, e depois ia-se queixar às outras pessoas que só ela é que trabalhava!

    ResponderEliminar
  2. Infelizmente é uma classe cada vez maior!

    ResponderEliminar
  3. Não suporto gente assim...quando dou por mim já lhes estou a responder mais torto...ups!

    ResponderEliminar

Diga, diga, sou toda "ouvidos" !

Ocorreu um erro neste dispositivo

quem cá para...