19 de março de 2012

país de ChuPistas...

Quando chegamos a um ponto em que, para além do país não nos ajudar a arranjar trabalho ainda faz questão de prejudicar o trabalho que temos, qual é a sensação com que se fica? É a de desgosto e vergonha do país que temos. É impossível não ficar angustiada quando ouço que a gasolina vai voltar a subir. É das coisas que mais desequilibra o meu orçamento mensal. 
A gasolina vai estar a 1,70€, os antigos 340 escudos por litro. Como é que é possível? Tenho gasto por semana 30 euros em gasolina em 8km diários dentro de cidade e pouco mais, e sei que vou passar a gastar mais. 120 euros mensais. Para uma curta distância. Existem milhares e milhares de pessoas que gastam mais que eu por mês e ganham um ordenado mínimo. Já viram bem a batelada? Tudo seria melhor se realmente tivéssemos um sistema de transportes públicos acessível e eficaz, onde não fizessem greves POR TUDO, principalmente os chulos da CP e as suas greves que dão jeito às sextas-feiras.
Porque é que não cortam na porcaria dos impostos à gasolina?
Falamos de evolução e na história achamos piada quando relembramos o Robin dos Bosques que roubava aos ricos os impostos injustamente cobrados e estamos na mesma.
Só para andar na estrada pagamos:
- Os ivas absurdos da gasolina.
- O selo 
- Portagens
- Scut
- Revisão do carro
... para andar de carro. 

Estou farta desde país. Juro. Onde não há hipótese de ter confiança em autocarros e comboios para se chegar a tempo de trabalhar. Merda de país.


9 comentários:

  1. Não se esqueça de referir os Estaleiros Navais de Viana do Castelo, que é mais uma aberração, e provou mais uma vez a imcompetência e os interesses (de alguém) deste (des)governo.

    ResponderEliminar
  2. Eu trabalho num agrupamento de escolas que tem edifícios espalhados pela freguesia toda. Passo o dia a voar de escola em escola...e é nestes, pequenos mas mais que muitos, percursos por dia que gasto uma verdadeira fortuna! E nem sequer horário completo tenho! Não posso de maneira nenhuma usar os transportes e isso deixa-me LOUCA!!!

    ResponderEliminar
  3. Já não basta estarmos de tanga, querem-nos nus.

    ResponderEliminar
  4. Tens tanta razão.. vivo a 40 kms do local de trabalho. brrr.

    ResponderEliminar
  5. tenho dias onde faço mais de 150km para ir trabalhar.:( de 5 em 5 dias vão 50 euros ed gasoleo:( e sempre a subir. Nus? Acho k nos querem e tirar a pele e tudo

    ResponderEliminar
  6. A minha sorte é só usar o carro ao fim-de-semana e à sexta-feira. Mesmo assim faço no mínimo 120kms por semana e todos os fins-de-semana levo com preços mais altos. E cada vez há menos carros na estrada, às sextas-feiras saio de Lisboa sem apanhar filas de trânsito (a não ser que ocorra algum acidente). Não sei como é que pessoas com um orçamento reduzido conseguem suportar isto, é assustador mesmo.

    ResponderEliminar
  7. E o pior é que mesmo que vás de transportes, fecham-te o metro porquê alguém se suicidou na linha verde! (True story) Quer dizer, nem andas nem deixas de andar! Valha-me qualquer coisa, que santa não anda cá de certeza!


    Mas agora fizeste-me lembrar os velhos gato fedorento:
    http://www.youtube.com/watch?v=0SrjnjOtEVo

    ResponderEliminar

Diga, diga, sou toda "ouvidos" !

Ocorreu um erro neste dispositivo

quem cá para...