26 de março de 2012

das OrdeNs...

Estou a ficar nervosa.
A ordem dos Arquitectos ainda não me respondeu.

Tenho que me inscrever para o exame (outra vez), porque faltei ao inicial... Fiz o estágio, certinho direitinho faz uns belos meses e a entidade empregadora da altura não me "deixou" tirar a semana para ir fazer os créditos e as aulas pré-exame. 
Aliás, enviaram-me para Faro fazer inspecção de obra (ou supervisionar se os pedreiros andavam nas minis em vez de estar a trabalhar), e assim perdi 200 euros e o exame e créditos. "E é se queria ganhar os meus 800 euros de ordenado". Este ordenado hoje em dia é difícil de um arquitecto conseguir. E eu tinha medo de o perder. Até ao dia em que me demiti. Agora que olho daqui este passado recente, já tive umas belas histórias passadas em gabinetes. Desde assédio, até ser moça de recados, até ser pau-para-toda-a-obra, até ser a única que sabia alguma coisa de projecto, até inclusive fazer viagens do Porto a Faro em carros e carrinhas a cair de maduras. E eu é que conduzia porque tinha que impor o respeito. Podia estar nervosa mas estava ali firme sem dar mostras de um nico de fraqueza. Acho que o cliché de arquitecta unha de gel fushia não se aplicou a mim. E, posso dizer que com o curso há 2 anos terminado, já trabalho em gabinetes há 5 anos. 

...e agora quero reinscrever-me e não sei o ponto de situação...
O meu problema é que quero despachar isto e estou presa a este pormenor. Desde que fui a Londres com o my love que estou na ânsia de poupar dinheiro para nos mandar-mos, já ponderei inclusive pedir um empréstimo de 2000 euros para conseguir arrendar casa, e procurar emprego. Mas nunca vou conseguir nada na área (o que para mim nem é grande prioridade...), se não levar o exame feito.
Alguém tem alguma experiência nesta situação?


4 comentários:

  1. até hoje, nunca o papelzinho a dizer que estava inscrito na ordem me serviu para alguma coisa a não ser pagar quotas. importa a licenciatura, o curso concluído. e mesmo isso, acho mais fácil arranjar emprego enquanto se é estudante do que com diploma na mão.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois... toda a gente me diz isso. Mas não posso passar do prazo para fazer o exame senão fico "sem curso" não é. Arre, tanta complicação nem sei para quê mesmo. Anda uma pessoa 6 anos em licenciaturas e mestrados e pifarus e depois do diploma ainda tem que fazer isto e arcar com a massa. Depois de ter a certificação não tenciono estar sempre inscrita a pagar. ...Inscrevo se precisar. Mas já recebi dois emails a dizer que o caso ("mas qual caso wtf..." penso eu), está a ser analisado. eu só quero inscrever-me a exame e saber que o posso fazer... não quero ir ao Porto gastar gasolina e portagens para ouvir um não, ou um falta isto e não fazer nada. Vou escrever outro email agora...

      Eliminar
  2. Bem, a minha Ordem foi até bastante rápida quando me inscrevi mas para outras coisas é demorada e chata. Liga, insiste, senão eles deixam andar. Se der, arranja um tempinho e vai lá.

    Quando ao trabalho em Inglaterra já tentaste ver nas agências de recrutamento? Não sei se existem para arquitectos mas não custa dares uma olhadela. *

    ResponderEliminar

Diga, diga, sou toda "ouvidos" !

Ocorreu um erro neste dispositivo

quem cá para...