29 de julho de 2012

... oh gente Oca.

imagem retirada da fantástica Shame!


Não gosto de gente Oca.
Ontem revi uma dessas pessoas. Que fala "assim" e "tipo" e que saca do espelho em plena esplanada para verificar se os lábios estão bem contornados.
E que, aproveitando a embalagem, se penteia em plena esplanada não vá o corte recto (assim como a franja), estarem em desalinho com a gola da blusa.
O resto da noite é passada só com sorrisos sedutores em vez de gargalhadas genuínas.
Com o pescoço esticado e braços cruzados em cima das pernas.

Ou eu sou muito labrega ou esta gente preocupa-se mais com a pose que com o que (não) tem no cérebro.
Graças a God que estavam mais dez pessoas naquela mesa com quem dava gosto falar. E gargalhar. E dizer parvoíces! Tantas vezes interrompidas por um "aiiii que noooojo!"
Jasus. Sou tão mais feliz assim. Ao natura.

2 comentários:

  1. credo! essas pessoas têm que ser muito infelizes, right?!

    ResponderEliminar
  2. Não podia estar mais de acordo contigo, uma vida de aparências com o objectivo de transparecer uma suposta felicidade aos outros. Infelizmente há quem só cuide de si por fora..

    http://igual-a-ti.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Diga, diga, sou toda "ouvidos" !

Ocorreu um erro neste dispositivo

quem cá para...